Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Trabalhador Rural: problema ou solução?

Comemorando o dia do trabalhador rural, 25 de maio, um enquete: quais são as principais dificuldades, desafios, deficiências enfrentados na relação com trabalhadores rurais nas atividades agrícolas e pecuárias?

Há escassez de trabalhadores ou dificuldade de competir com atividades urbanas? Quais saídas para atrair o trabalhador para atividades desgastantes?

Qual sua experiência?

Exibições: 730

Responder esta

Respostas a este tópico

Bom dia meus bons debatedores, meu amigo Francisco, se permite-me responder quem idealiza tais formas de conduta, somos nós mesmo, os tais profissionais que talvez jamais estiveram em trabalho de campo. Dai promovem as regras em semelhança as das áreas urbanas, e com as salvaguardas da Eng. Civil, e Arquitetura, talvez este seja um argumento que V.Sª baseia-se para reivindicar um Conselho Próprio. A meu ver o envolvimento do Engenheiro Agrônomo, independe do tamanho da arrecadação do produtor, afinal o vínculo profissional é nosso juramento, de a exercer a bem da população brasileira. E certo ou errado, eu particularmente envolvo-me em todo ciclo da linha de produção dos produtores, e lhes digo,...se não puder lhe ajudar não irei lhe prejudicar!. 

Na verdade, Dr. Manoel. Vivi muito em contato com os Advogados de minha cidade e presenciei o que a OAB faz por seus pares.

Durante toda minha vida profissional fui espezinhado por profissionais do CREA que sempre se omitiram quando cobrados por uma posição. Vivi casos degradantes com eles.

Recentemente as autarquias federais receberam um reforço muito grande de Agrimensores, Biólogos, etc e perdi o estímulo de prestar serviços para clientes junto a eles porque, ser humilhado por este bando de incompetentes não dava mais.

Não aceito mais o CREA arrecadando nas minhas costas. Por isso comecei a trabalhar neste sentido.



Francisco Cezar Dias disse:

Na verdade, Dr. Manoel. Vivi muito em contato com os Advogados de minha cidade e presenciei o que a OAB faz por seus pares.

Durante toda minha vida profissional fui espezinhado por profissionais do CREA que sempre se omitiram quando cobrados por uma posição. Vivi casos degradantes com eles.

Recentemente as autarquias federais receberam um reforço muito grande de Agrimensores, Biólogos, etc e perdi o estímulo de prestar serviços para clientes junto a eles porque, ser humilhado por este bando de incompetentes não dava mais.

Não aceito mais o CREA arrecadando nas minhas costas. Por isso comecei a trabalhar neste sentido.

Bom dia amigo Francisco, solidarizo-me contigo, jamais rejeitaria uma "briga", em defesa de nossa classe, revolta-me estar submetido a formas de regulamentação opressivas e depreciativas, onde nos limitam as funções da qual temos capacitação e habilidade em executar, a muito já pago, e não me oponho a pagar por organizações e organizadores de regras de conduta e procedimentos, a bem dos profissionais. Mas não aceito ser suprido de minhas aptidões profissionais!. Luto e lutarei para livrar-nos de tais implicadores. Somos cidadãos brasileiros, e não pretendemos nos mudar daqui!.

Bom dia, Dr. Manoel. Acredito que tenho minha vivência e experiência profissional. Não falo sobre utopias, mas sobre realidade. Sei perfeitamente que não estamos por inteiro neste ambiente e de nossas limitações como classe profissional. Conheço muito bem nós brasileiros e que virão para uma nova realidade sem contestação. Por isso estou buscando condições para mudar. Deus queira que consiga.

Bom dia debatedores, AMÉM!. Existem três pilastras de sustentação da vida de um homem! A coragem, a Honra, e a Honestidade!. Sem a Honra, perde-se a Coragem, e contamina-se a Honestidade!. A Desonestidade é o averso da Coragem, e o Caminho para a Desonra!. Conciliar os três pilares, é manter o equilíbrio do ser humano exemplar!.

Manoel,

Excelente definição de valores para nortear a vida!

abração

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço