Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Informação

Alimentos Orgânicos

Grupos para debates sobre técnicas de cultivo no sistema orgânico, certificações, mercado e comercilização.

Local: Curitiba-PR
Membros: 80
Última atividade: 15 Jun, 2017

Fórum de discussão

SENGE-RS promove Seminário Alimento Seguro e Resposabilidade Técnica

No dia 8 de novembro, o SENGE-RS realiza o Seminário Alimento Seguro e Responsabilidade Técnica, com inscrições gratuitas.  Conheça a programação em …Continuar

Iniciado por Sindicato dos Engenheiros RS 1 Nov, 2012.

ORGÂNICOS: oportunidade de trabalho ou negócio, OU mercado ainda incipiente???

Caros colegas, Nota-se cada vez que os ALIMENTOS ORGÂNICOS tem ganhando espaço em supermercados, feiras, e nos meios de comunicação, nestes tratados como alimentos "sustentáveis" do ponto de vista…Continuar

Iniciado por Jackson Majewski 30 Mar, 2011.

Adaptação de agricultores á Lesgilação Brasileira de Orgânicos

     Ainda recente, a legislação Brasileira de orgânicos reune as regras para produção de insumos(mudas, sementes, fertilizantes e demais produtos para sistemas orgânicos de produção), produção…Continuar

Iniciado por Jackson Majewski 13 Mar, 2011.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Alimentos Orgânicos para adicionar comentários!

Comentário de Jackson Majewski em 9 agosto 2011 às 18:28

A Eletização dos orgânicos

Hoje, grande parte da demanda por alimentos orgânicos é provenientes de um grupo específico de brasileiros. Essa ELETIZAÇÃO está diretamente relacionada com o preço dos alimentos orgânicos, acessíveis, portanto, a poucas pessoas.

Por outro lado, o nível de estudo da pessoa ou de sua familia, também influencia na escolha, já que esse grupo teria maior acesso a informações relacionadas aos beneficios do alimentos orgânicos sobre os convencionais, fartos de AGROTÓXICOS.

Isso, todo mundo já sabe. Agora porque não tentarmos mudar isso? Porque não DEMOCRATIZAR os ORGÂNICOS? fica a dica......

COMO?

Não sei, mais pode-se pensar em reduzir custo de produção, otizar recursos, usar e experimentar novos tratos culturar e sistemas de cultivo, reduzir custos com embalagens....

Hoje mesmo falei com um colega Eng. Agronomo aqui da região de Curitiba, Marcelo Silverio, que vem produzindo morango, Phisalis e amora como produção e muda das mesmas. Ele me disse que a idéia não é estorquir o consumidor, mais DEMOCRATIZAR o produto. Ele dizia: "como alimento orgânico, poderia vender tal produto por até 80 reais o Kg, mais não é minha intenção."

O mercado de orgânicos é restrito ainda, porque a demanda é pequena. Pesquisas apontam crescimento para 5% do total de produção agrícola para dos proximos anos, porque? Eventos olimpicos, Copa do Mundo. Estrangeiros demandam alimentos orgânicos, por habito de consumo. Temos que mudar essa corrente contraria que impede a acessibilidade do orgânico para o restante da população. O trabalho é complexo, já que dependemos de leis específicas e incentivos fiscais para isso. Agora, o que pudermos fazer para melhor isso, já é um importante passo.

Boa semana a todos!

abraços,

Jackson Majewski

 

Comentário de Jackson Majewski em 4 junho 2011 às 13:53

Setor de alimentos orgânicos prevê crescimento de 40%

Com lei que regulamenta atividades em vigor, produtores devem faturar R$ 700 milhões neste ano

Alterar o tamanho da letra A-A+

O faturamento dos produtores de alimentos orgânicos no Brasil deve crescer 40% em 2011. Até dezembro, os agricultores nacionais estimam arrecadar R$ 700 milhões. A entrada em vigor da lei que regulamenta o setor pode impulsionar os negócios desse mercado.

Segundo a Associação Brasileira de Orgânicos (Brasilbio), o setor cresceu 40% no ano passado, quando faturou R$ 500 milhões. A expectativa é repetir o desempenho em 2011. “A demanda por orgânicos cresce. O consumidor está mais consciente dos benefícios desse tipo de alimento”, afirma o produtor Luiz Ferrari.

Ferrari cultiva frutas orgânicas em uma chácara de 7.200 metros localizada em Ribeirão Preto (SP). O produtor acaba de plantar a nova safra de acerola e limão e tem expectativa otimista para o ano. “Quem investir na produção e procurar os mercados tem grande chance de crescer."

Apesar do ânimo dos produtores, a participação dos orgânicos ainda é pequena no mercado agropecuário brasileiro. O valor faturado pelo agronegócio orgânico corresponde a apenas 0,2% dos R$ 255,3 bilhões registrados pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Divulgação

Segundo a Brasilbio, o mercado deve ganhar um impulso em 2011 com a entrada em vigor da legislação que regulamenta a produção de orgânicos no Brasil – a lei foi sancionada em janeiro. “A regulamentação ajudou a alavancar o mercado. Tanto os produtores quanto o próprio governo estão divulgando a cultura e as pessoas estão mais conscientes do que é um produto saudável”, afirma o presidente da entidade, José Alexandre Ribeiro.

Para aumentar a divulgação, o Ministério da Agricultura, em parceria com o Sebrae, realiza até o dia 5 de junho a 7ª Semana dos Alimentos Orgânicos. O tema da edição deste ano é “Produtos Orgânicos – ficou mais fácil identificar”, com foco na divulgação de um selo que ajuda os consumidores a reconhecer esses itens nas prateiras dos varejões e supermercados.
 

Comentário de Jackson Majewski em 4 abril 2011 às 14:23

Pessoal,

 

A AAO - Associação de Agrocultura Orgânica

www.aao.org.br  possui muitas informações legais para que nós profissionais possamos aperfeiçoar nossos conhecimentos.

Há também um jornal/revista virtual que poder ser consultado por qualquer um, á qualquer momento, como no exemplo:

http://www.aao.org.br/jornal/jun07/index.htm

ou

http://www.aao.org.br/jornais.asp

 

Vale a pena!

Comentário de Jackson Majewski em 29 março 2011 às 17:58

Com certeza Sandra, reportagens como essa são um inscentivo ao consumidor, o que reflete diretamente na demanda de produtos orgânicos, movimentando o setor como um todo.

O mercado de orgânicos ainda está longe de super o dos alimentos convencionais, já que orgânicos só respondem por 3% da produção agrícola nacional. Nós, Sandra, que trabalhamos com isso, sabemos os "gargalos" envolvendo o setor orgânico. Entretanto, há quem diga que DESAFIOS são na verdade OPORTUNIDADES.. hehe

Obrigado pela sua participação. Vamos construir juntos esse grupo de discussão!

 

 

Membros (80)

 
 
 

© 2018   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo