Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Informação

COOPERATIVISMO

Grupo destinado ao setor que mais contribui para a economia do país.

Membros: 43
Última atividade: 24 Fev, 2018

FRENTE PARLAMENTAR DO COOPERATIVISMO

No próximo dia 05 de junho será criada em Vitoria - ES a FRENTE PARLAMENTAR CAPIXABA DO COOPERATIVISMO. A ação é uma vitoria do cooperativismo do Estado do Espírito Santo e trará para dentro da assembleia legislativa daquele estado discussões importantissimas para o setor do cooperativismo.
Esperamos que tão breve nossa assembléia legislativa do estado do Rio de Janeiro tenha também a mesma visão da importância de um setor essencial para a economia do país.

Fórum de discussão

ENGENHEIRO AGRÔNOMO

Iniciado por Igor Madruga de Oliveira 18 Fev, 2013.

AGRICULTURA x POLÍTICOS

Iniciado por Mauro P. Machado 20 Jan, 2011.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de COOPERATIVISMO para adicionar comentários!

Comentário de Roberto Tavares em 29 dezembro 2015 às 8:05

Syntropic Agriculture (Agricultura Sintrópica)

Agricultura praticada por Ernest Gotsch e é parte da "Agenda Gotsch" projeto.

"www.agendagotsch.com"      

Vale a pena ser visto.

Comentário de Maria Alcinda Jardim em 1 junho 2015 às 16:42

Pessoal, participei do curso  Asseagri onde aprendi a trabalhar com Geo com Arcgis e Qgis p/ o CAR o legal é que após o curso o prof. nos encaminhou material, exercícios para reforçarmos o que foi visto  no curso. Vale a pena conferir www.asseagrimg.com.br Abriram novas inscrições, tenho certeza que irão gostar.

Nova turma dias 12 e 13 de junho. Recebi o folder do curso agorinha. As vagas são limitadas no máximo 15 integrantes. Consegui fazer porque fiquei na lista de reserva.

Comentário de ALBERTO FIGUEIREDO em 25 fevereiro 2011 às 11:04

Tive algumas oportunidades de atuar profissionalmente com o cooperativismo.

Podendo ser útil em algum encontro ou comentário, estarei à disposição.

Comentário de Nelson Ferreira Santana Júnior em 2 fevereiro 2011 às 15:53

Parabéns pela iniciativa, aqui na Bahia já inciamos o processo de discussão.Gostaria de saber qual a estratégia para formação desta frente?

 

Comentário de marco aurelio dos santos em 29 dezembro 2010 às 10:50

Estamos desenvolvendo trabalhos com o gel de plantio e irrigação.

Reduza o consumo de água em sua lavoura.

Para obter maiores informações. Envie um email para

luisclaudio@terravivaminas.com.br

Mandaremos estudos e fotos do processo de uso e resultados obtidos.

ATT.

Marco Aurelio/ Luis Claudio

35-3235-2344

Comentário de Leonardo Ferro em 20 outubro 2010 às 16:21
acabei e conhecer o saite muito bom, manter contato com estudantes e profissionais de outras regiões do pais. sou bolsista de uma cooperativa de leite se eu puder ajuda em alguma coisa, conte cmg abraços a todos.
Comentário de Mauro P. Machado em 4 janeiro 2010 às 7:22
Sandro, bom dia.
Obrigado por seu esclarecimento. Infelizmente no Estado do Rio de Janeiro quando se fala de agricultura podemos observar que temos quase de tudo, porém nada funciona, nem mesmo precariamente, é sempre um cabide de empregos ou uma maneira de aparecer politicamente no cenário regional e estadual, mas sem interesse algum em desenvolver o estado naquele determinado setor. A sua idéia de fusão de cooperativas locais e criação de uma nova cooperativa central de leite regionalizada para o envase e comercialização é excelente e já deu muito certo em outros locais, fazendo com que todas as cooperativas locais crescessem e a região se desenvolvesse.
Comentário de SANDRO REIS em 4 janeiro 2010 às 6:56
Prezados, na verdade não existe OCERJ e sim OCB-RJ. Sou o Responsável técnico de uma cooperativa do noroeste do Estado do RJ, divisa com o estado do ES e posso falar com experiencia no assunto. Para nós aqui, a participação da OCB-RJ é quase nula. Somos atendidos mais pela OCB-ES, pois tambem estamos no estado do ES. A OCB-ES tem feito um brilhante trabalho com as cooperativas agropecuarias do estado, merecedora de ser colocada como modelo para as outras OCB´s. Nestes meus quase tres anos de trabalho na CAVIL, nunca presenciei uma visita ou ligação da OCB-RJ, o que não tem acontecido por parte da OCB-ES.
Quanto ao outro assunto sobre a comercialização de leite de pequenas cooperativas para outros laticinios, realmente não é uma boa para nenhum produtor. Acredito que o futuro das pequenas cooperativas está na fusão entre as mesmas para os seus fortalecimentos. E é neste contexto que nós da CAVIL estamos desenvolvendo um projeto para a construção de uma fabrica de látcteos em embalagens UHT, que irá disponibilizar o equipamento de envase para as outras cooperativas do estado do RJ e ES que tenham interesse e que não possuem tal equipamento. Esse será o inicio desta integralização que procuramos...
Comentário de Mauro P. Machado em 31 dezembro 2009 às 8:22
Caro João Ávila, fiz esta pergunta sobre a "OCERJ", para poder iniciar a discussão do seu tema. Vc sabe me informar algo?
Comentário de Mauro P. Machado em 31 dezembro 2009 às 8:17
Gostaria de saber como anda a "Organização das Cooperativas do Estado do Rio de Janeiro - OCERJ". Ela existe?
 

Membros (43)

 
 
 

© 2019   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço