Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Geoprocessamento

Informação

Geoprocessamento

Aos profissionais da Agrônomia que trabalham ou gostam de Geotecnologias.

Membros: 138
Última atividade: 31 Ago

Fórum de discussão

Oportunidade de Negócios 5 respostas 

Olá ,Estamos buscando de parceiros de negócios para atuar na indicação (remunerada) em compra e venda áreas de terra (plantio, cerrado e reflorestamento) em todo o território nacional.…Continuar

Iniciado por Fabio Queiroz. Última resposta de Amélia Simões Schwertner 1 Mar, 2015.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Geoprocessamento para adicionar comentários!

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 19 julho 2019 às 8:59

VAMOS PARTICIPAR, PESSOAL

Afinal, para que foi criado este espaço ? Vamos pôr o QGIS à serviço da Agricultura e do Meio Ambiente. Em resumo: vamos embarcar nessa plataforma. A porta de entrada é aqui: 

http://agronomos.ning.com/profiles/blogs/embarque-nessa-plataforma

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 13 junho 2019 às 17:12

NOVAS ROTINAS DO QGIS 3.4 NO MEU BLOG:

http://agronomos.ning.com/profiles/blogs/embarque-nessa-plataforma

Bom proveito.

Comentário de Gilberto Fugimoto em 25 abril 2018 às 23:49

SISTEMAS DE ORIENTAÇÃO POR SATÉLITE

Curso Gratuito EAD SENAR

Matrícula até 02 Maio 2018

Neste curso gratuito você vai estudar especificamente os sistemas de orientação por satélite e seus benefícios para agricultura.

Inicialmente chamados GPS e, atualmente, GNSS, estes sistemas permitem o georreferenciamento muito preciso de cada trecho da terra. Assim, tornaram-se fundamentais para a agricultura moderna, em atividades como distribuição de corretivos e fertilizantes, semeadura e aplicação de defensivos agrícolas. São ferramentas que trazem maior sustentabilidade ambiental, eficiência técnica e mais retorno financeiro ao agronegócio.

Maiores informações:

http://ead.senar.org.br/cursos/agricultura-de-precisao/

Comentário de Maria Alcinda Jardim em 1 junho 2015 às 16:17

Pessoal, participei do curso  Asseagri onde aprendi a trabalhar com Geo com Arcgis e Qgis p/ o CAR o legal é que após o curso o prof. nos encaminhou material, exercícios para reforçarmos o que foi visto  no curso. Vale a pena conferir www.asseagimg.com.br Abriram novas inscrições, tenho certeza que irão gostar.

Comentário de Raul em 4 maio 2015 às 17:12

Podemos começar discutindo a metodologia usada pelos colegas na declaração do CAR.

Comentário de Raul em 4 maio 2015 às 17:09

PASSEI UM BOM TEMPO FORA, MAIS AGORA ESTOU DE VOLTA.

VAMOS ANIMAR O GRUPO

ABRAÇO A TODOS!!!

Comentário de Raul em 4 maio 2015 às 17:07

Boa tarde!!

Gilberto Fugimoto, em áreas com baixa qualidade de sinal em rastreio rápido, se mostra mais confiável uso de um aparelho GNSS (ex: Leica  Viva  GS15  L1/L2), pois oferece soluções mais confiáveis. Necessitando apenas de maior tempo de rastreio. 

Vale ressaltar ainda que para um levantamento de qualidade, além da escolha de uma satisfatória metodologia, e equipamento, temos que tomar cuidados básicos como :  boa localização para a receptividade dos sinais de satélites para o ponto Base e seus pontos de Amarração (limpeza entorno do ponto que será materializado em um raio médio de 10 metros), e o pós-processamento.  utilizado.

Boa sorte!!

Comentário de Gilberto Fugimoto em 2 abril 2015 às 13:01

Dúvida:

Que tipo de configuração de equipamento preciso especificar para solicitar locaão pontos georreferenciados (com precisão submétrica) sob mata fechada?

Comentário de Doze Batista de Oliveira em 28 fevereiro 2015 às 15:31
Marcio Mesquita segundo o crea a atividade de georrefereciamento é uma atividade de geodésia é não de topografia. Os Engenheiros agrônomos não possuem atribuições para exercer a atividades de geodésia. Para isso é necessário complementar a sua grade curricular com disciplinas como: Geodésia, ajustes de observações, cartografia, posicionamento por GNSS, topografia automatizada.
Fiz o curso de georrefereciamento de imóveis rurais no ITCO-GO. A prestei o certificado e o CRRA-PI reconheceu a minha atribuição.
Comentário de Márcio Mesquita Barros em 24 fevereiro 2015 às 2:41

Uma dúvida quanto à atuação do Engenheiro Agrônomo nas geotecnologias. É sabido que na maioria das grades curriculares dos cursos de Agronomia, não se tem carga horária adequada para nos capacitar de forma adequada para os trabalhos de georreferenciamento. Ademais, sempre aparecem outros profissionais, leia-se: Eng. Agrimensor, Técnico em Agrimensura, Téc. em Estradas, etc, que sempre dizem não estarmos habilitados como Responsáveis Técnicos para realizar trabalhos de georreferenciamento. Daí pergunto. Até onde vai nossa competência nessa área e se é preciso fazer algum curso específico para ter tal habilitação? 

 

Membros (138)

 
 
 

© 2019   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço