Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

O grande gargalo da atividade se encontra na formação da mão de obra qualificada para realização da explotação e criação de mecanismo de motivação, na busca da excelência da sangria. Haja visto que os maiores produtores mundiais Tailândia, Indonésia e Malásia possuem lavouras pequenas e mão adequada ao porte das mesmas. Tenho um pequeno seringal no interior de São Paulo e venho buscando qual a melhor maneira de motivar os sangradores e ate agora não consegui encontrar, um sistema que gere interesse e comprometimento.  

Exibições: 88

Respostas a este tópico

Concordo Werther.

Mas analisando melhor, acho que não só para a heveicultura como para outras atividades onde existe demanda de mão-de-obra intensa, temos que saber identificar e levar um funcionário ou parceiro  SATISFEITO a estado de ENGAJADO. Trabalhar sistemas de premiação envolvendo qualidade e quantidade, pode levar a Satisfação do funcionário, mas não substitui a educação pelo trabalho o envolvendo seu parceiro ou funcionário nos objetivos anuais do negócio para que ele sinta-se parte do processo e realmente engajado por resultados sustentáveis. Não existe formula pronta meu caro, mas podemos discutir sempre.

RSS

© 2018   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo