Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

MAPA DE ÁRVORES INTERATIVO

O Facebook não serve só pra fofocas e memes, colegas. De vez em quando, a gente acha coisas bem interessantes, como este mapeamento de árvores de Nova York. Entrando neste site (*) e dando zoom, aparece o mapeamento das árvores, nas ruas; clicando-se nelas, lado esquerdo, surge uma foto e outras informações. Gastamos fortunas para elaborar um Plano de Arborização Urbana (o daqui do Rio de Janeiro foi feito recentemente), mas não cuidamos de georreferenciar as árvores. Uma pena.

(*)

https://tree-map.nycgovparks.org/

Exibições: 120

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Agronomia para adicionar comentários!

Entrar em Rede Agronomia

Comentário de Manoel José Sant´Anna em 25 abril 2017 às 18:22

Boa tarde colegas, estes feriados somados a aposentadoria, atrasaram meus pitacos por aqui!. Mas estou de volta!. Caros amigos, o aprendizado da moda em citricultura é poda!. Podas da cultura das Limas Ácidas, podas das barreiras físicas com cerca viva!. A luta sempre é a mesma, sobra vaidade e falta conhecimento!. Eu sempre espero que prevaleça a racionalidade!. 

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 25 abril 2017 às 16:11

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 13 dezembro 2016 às 6:11

Manoel,
Tenho um sobrinho que é Eng.Florestal do Departamento de Parques e Jardins da Prefeitura do Rio de Janeiro que cuida, justamente, da arborização da cidade. Disse-me ele que lá predominam (desde sempre) Arquitetos, acredita ? De fato, o Eng.Agrônomo não tem vez. Ele também me disse que estão georreferenciando as árvores da cidade mas que, como o dinheiro é curto, isso será parcial e incompleto. Minha ideia é que além das coordenadas geográficas, colocassem no site da Prefeitura uma foto (como fizeram os gringos), a família, utilidades (algumas, como a pata-de-vaca, são medicinais) e mais, disponibilizassem um aplicativo para celular, para que o morador, identificando a árvore, enviasse informações sobre necessidade de poda (fiação elétrica) e de doenças. Mudando de assunto, os Eng.Agrônomos deveriam ser contratados pelas Prefeituras para a arborização dos lixões desativados. Quando eu lecionava Irrigação na UFRRJ, ao falar de lixo, um aluno decidiu (e foi) um dos primeiros técnicos da Comlurb.
Um abraço

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 13 dezembro 2016 às 6:00

Comentário de Manoel José Sant´Anna em 12 dezembro 2016 às 16:23

Boa tarde colegas, Realmente impressionante o trabalho de arborização urbana de N. Y. , Dr José Luiz, parabenizo-lhe pela iniciativa, e pela comparação, infelizmente, não se contrata um Engenheiro Agrônomo para estas funções!. Se assim o R. J. o fizesse, não seria apenas Oitis como árvore urbana do Rio, não que a espécie não seja indicada, mas não pode ser exagerada. A falta do Eng. Agr., completaria a escolha do melhor substrato, corretivo, e adubação do solo, as épocas e modalidades de poda, a escolha dos locais e o favorecimento ao adensamento, o controle de pragas e doenças, evitando catástrofes como ocorre em S.P. com a morte e queda destas árvores, além da escolha das melhores variedades dos nossos biomas. Tudo poderá até ser georreferenciado!. Mas esta é a última parte!. Abraços ... Manoel 

© 2019   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço