Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Em 15/03/2011 eu publiquei aqui (*) o texto Irrigação de Pastagem por Aspersão em Malha, que teve 32.641 visualizações e já me rendeu alguns projetos e consultas de fazendeiros. Entre as perguntas mais frequentes estão os diâmetros das canalizações, a potência da bomba e o tempo de irrigação, quando se utiliza mais de um aspersor de cada vez. No texto original, as canalizações eram de meia polegada de diâmetro (DN = 25 mm) na linha lateral e um aspersor funcionando por vez.

Tomei como referência o aspersor agrícola de impacto do fabricante Rain Bird, bocal tipo orifício de abertura: 2,78 mm, altura do jato: 1,8 m, raio de alcance: 10,4 m, pressão no bocal: 20 m.c.a. e vazão unitária: 0,55 m³/h.

Os cálculos hidráulicos que se seguem constam de simulações para vários arranjos, quando o fazendeiro quiser que o seu projeto tenha apenas um anel (com 10 aspersores cada) em funcionamento por vez, ou 2, 3, 4, ou todos. A linha lateral foi dimensionada com a equação de Flammant para PVC e diâmetro interno de 32 mm, adotando-se o fator de Christiansen para 5 aspersores, resultando na perda de carga de 0,96 m.

No ramal principal de cada um dos anéis estão as simulações, com o número crescente de ramais funcionando simultaneamente. Observa-se que os diâmetros vão aumentando até o 6o. anel (F), quando atingem o valor de DN = 100 mm e se mantém constante, visto que a alimentação se dá pelo centro, quando as vazões tomam caminhos opostos.

Para o cálculo do tempo de irrigação, adotei o valor 5 mm/dia para a evapotranspiração de referência e, como a intensidade de precipitação do aspersor é de 5,5 mm/h, o funcionamento de um único ANEL por vez demandaria cerca de 10 horas de trabalho para irrigar toda a área de  1 ha.

Exemplo 1: Um único aspersor operando por vez. Como sugere o artigo original da Embrapa, todas as canalizações devem ter 25 mm de diâmetro. A motobomba pode ser de 0,5 CV mas o tempo de operação demandará um pouco mais de 4 dias.

Exemplo 2: Um único anel (de 10 aspersores cada) operando por vez. Pela planilha, devemos adotar o diâmetro da linha lateral de 32 mm e o ramal principal DN 50mm. A bomba será de 1 CV e o tempo de irrigação será de 10 horas (vide Planilha do Excel).

Exemplo 3: Todos os 110 aspersores funcionando simultâneamente. O diâmetro da linha lateral continuará sendo de 32 mm, mas o ramal principal será de DN = 125 mm. A área (1 ha) será irrigada em 0,9 x 60 = 54 minutos. A motobomba será de 10 CV.

Para áreas maiores de um hectare, a configuração do Exemplo 3 será repetida.

Legenda:

Q = vazão ou descarga (do aspersor, linha ou lateral), em m³/h, m³/s ou L/s

P.S. = pressão de serviço do aspersor (dado do fabricante), em m

D ou DN = diâmetro nominal interno da tubulação, em m ou mm

V = velocidade média do fluxo no interior do tubo (m/s)

J = perda de carga unitária (m/m)

h = perda de carga no tubo (m)

h1 = perda de carga no trecho L do ramal principal sem ramais operando (m)

h2 = perda de carga no trecho L' do ramal principal com saídas para linhas laterais (m)

H = altura manométrica total (m)

F = fator de Christiansen para cálculo da perda de carga em ramal com múltiplas saídas

m = coeficiente de F relativo à equação da perda de carga

n = número de saídas ou de aspersores na linha lateral

Ia = intensidade de precipitação do aspersor (mm/h)

Ea = espaçamento entre aspersores (m)

El =espaçamento entre as linhas (m)

Qa = vazão do aspersor (l/s)

P = potência da bomba (CV)

ϒ = peso específico da água (kg/m³)

η = rendimento co conjunto motobomba (%)

Acr. = acréscimo à potência do motor (%)

Tp = tempo de trabalho do aspersor (h)

ETo = evapotranspiração de referência (mm/d)

T = tempo de operação do aspersor ou ramal (h)

 

(*)http://agronomos.ning.com/profiles/blogs/irrigacao-de-pastagens-por

 

Exibições: 122

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Agronomia para adicionar comentários!

Entrar em Rede Agronomia

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 17 março 2018 às 8:06

VÍDEOS SOBRE IRRIGAÇÃO

https://vimeo.com/channels/irrigation

Bom proveito.

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 21 fevereiro 2018 às 14:19

A VEZ DOS PEQUENOS

A revista Globo Rural deste mês (de Fevereiro), à pág. 46, publica o artigo "Agro, gastronomia e turismo", de Maurício A. Lopes, Engenheiro Agrônomo e presidente da Embrapa. Referindo-se aos nossos pequenos produtores ele cita que, segundo a FAO, apenas 6% (seis por cento) das fazendas do mundo são maiores que 5 (cinco) hectares (o grifo é nosso).

Isso pra gente não é novidade já que, todos sabemos, a Agricultura Familiar (e não o Agronegócio), no Brasil, é que põe na mesa a maioria dos alimentos que consumimos no dia a dia.

Mas então, por que eu trouxe essa notícia à Rede (Agronomia) ? É porque o meu texto mostra a irrigação de apenas um hectare (que parece pouco frente à grandeza territorial do Brasil). Ora, 6% significa que de cada 20 propriedades agrícolas, pelo menos uma delas tem menos de 5 hectares e, como sabem, a água é até mais importante que o solo pois, de que adianta ter um solo rico, se não tivermos água para levar esses nutrientes à planta ?

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 21 fevereiro 2018 às 9:03

CALCULADORA ON LINE

Para facilitar ainda mais a estimativa do layout da irrigação por aspersão em malha, anexo esta calculadora online que calcula a potência da bomba. O endereço está aqui:

http://irrigation.wsu.edu/Content/Calculators/General/Required-Wate...

Exemplo:

Inicialmente ajuste as unidades de Pressão (Pressure) para m ou m.c.a. (m of water) e vazão ou descarga (Flow Rate) para m³/h (cu m/hr).

Digite a Altura manométrica (pressão de serviço do aspersor + perda de carga no ramal + perda de carga no ramal principal) que, no caso de um ramal com 5 aspersores ou mesmo no cálculo de um anel (vide dados da planilha) vale: 20 + 0,96 + 1,55 = 22,51 m.

Para a vazão, basta multiplicar a vazão unitária do aspersor pelo número de unidades, ou seja, 0,55 m³/h x 5 aspersores = 2,75 m³/h.

Pronto. Basta mandar calcular (botão Calculate). O resultado é P = 0,30 HP x 1,014 = 0,3042 CV

A calculadora não faz a correção como mostrado na planilha mas, como a potência é inferior a 2 CV, fazemos P = 0,30 x 1,30 = 0,40 CV, que eu arredondei para P = 0,5 CV.

Comentário de JOSÉ LUIZ VIANA DO COUTO em 19 fevereiro 2018 às 15:37

AUTOCAD AJUDA NO PROJETO

Cerca de 6 meses atrás (precisamente dia 20/04/2017) eu publiquei aqui o post "Projetos de Irrigação com Blocos Inteligentes" (*), mostrando como um bloco dinâmico (no caso, o raio de ação dos aspersores, feito por mim) agiliza o projeto. Pois bem, nesse projetinho, voltei a utilizá-lo. E as suas configurações estão aqui:

(*) http://agronomos.ning.com/profiles/blogs/projetos-de-irriga-o-com-b...

© 2018   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo