Rede Agronomia

Rede dos Engenheiros Agrônomos do Brasil

Comentários de Gilberto Fugimoto

Caixa de Recados (837 comentários)

Você precisa ser um membro de Rede Agronomia para adicionar comentários!

Entrar em Rede Agronomia

Às 14:34 em 20 setembro 2017, Joselito Guimaraes Lima disse...

Ola Gilberto

Excelente idéia a criação deste website

Me cadastrei e me surpreendi c/ tta gente cadastrada

Mas acho que falta interação.

Parabens pela iniciativa

Um abraço

Joselito

PS: Por gentileza, caso vc possa me apontar onde encontrar um post no qual vc fala que "...categoria contribui c/ 1/3 da economia nacional... ". Quis comentar c/ vc sobre aquilo mas qd rapidamente retorno ao site ñ consegui encontrá-lo. Obrigado!  

Às 15:12 em 6 julho 2017, Manoel José Sant´Anna disse...

Boa tarde colegas!. Onde mais podemos nos relacionar, trocar ideias, e informações!. Se não hoje através deste instrumento!. Bem se ele já é superado, ainda agora, podemos continuar nosso contato!. Então mesmo no conceito WEB 2.0, aqui estamos nós!?!.

Às 9:35 em 25 junho 2017, Anne-Marie Holman disse...

Obrigada, Gilberto!

Às 17:57 em 21 junho 2017, Ivanilde Soares Santos disse...

Obrigada! Ainda vou ficar mais ágil aqui... Aguardando a resposta do local da palestra, pra você me ajudar, ok?

Abraço

Às 18:10 em 28 maio 2017, Gilberto Guarido disse...

Comissão  de Trabalho, de Administração e Serviço Púbico da Camara dos Deputados aprova autorização para biólogo trabalhar na produção de sementes.

Lhe enviei argumentos contrários que elaboramos em 2012.

Recebeu?

Às 9:34 em 3 novembro 2016, Manoel José Sant´Anna disse...

Bom dia colegas, agora o Dr Francisco Lira, alerta que o Elefante Branco, de nosso órgão de representação, ( não punitivo, nem arrecadador. nem imperialista), quer se transformar em uma enorme baleia (Cachalote), branca," Mobi-Dick " assim caberá todos seus correligionários, e asseclas, ...êta... "politiqueira" de conveniências!!.

Às 12:18 em 12 outubro 2016, Sebastião Adilson Silva disse...

Bom dia, Gilberto!

Sou Eng, Agrônomo formado na UFRRJ. Hoje Coordeno um curso de Pós-graduação de Georreferenciamento de Imóveis Rurais e Urbanos, no Rio de Janeiro (RJ) e em Vitória (ES).

Peço o obséquio de enviar-me seus telefone e e-mail, pois preciso de sua ajuda.

Eng. Sebastião Adilson
Educ.eng – Educação Continuada na Engenharia e Arquitetura
Tel. (11) 2626 1674 | (27) 3391 2054 | WhatsApp: (27) 9-8805 9668 *
Skype: educ.eng
adilson@vetreinamentos.com.br  
www.vetreinamentos.com.br

* Use o WhatsApp em seu computador. É mais rápido e prático: https://web.whatsapp.com

Às 10:48 em 10 outubro 2016, Manoel José Sant´Anna disse...

Bom dia colegas, a CETESB. e a S.M.A. pelo menos em S.P., estão utilizando novas Empresas de Topografia e Agrimensura, através de programas na internete para elaborar o P.R.A. sem a necessidade do Engenheiro Agrônomo, já o fizeram no C.A.R., agora instalam um programa para o P.R.A., ora projetos técnicos são capacitação de Engenheiros no caso Agrônomos, os campos e aptidões são outros para Topógrafos e Agrimensores, não será preciso demonstrar não é??!!. Eis a nossa depreciação oficializada pelo governo!.

Às 16:04 em 5 setembro 2016, Manoel José Sant´Anna disse...

Boa tarde amigo Gilberto, fico muito feliz com suas divulgações, mostrando todo seu coleguismo, fico muito feliz em saber que o CREA do Rio de Janeiro, tem propostas atuais e de grande importância a nossa classe, uma pena que é para os cariocas, esta muito longe de Catanduva, ou ai estaria.

A tempo, se encontrar alguém da MUTUA, diga-lhes que também a proposta de aliciamento ao plano para os profissionais, e sua família, esta muito aquém do que poderemos participar. Só com um pouquinho de esforço e profissionalismo aumentaria em mais de 25% dos participantes. Ninguém adere ao que não conhece!. Nem vê!.

Às 10:31 em 18 agosto 2016, Manoel José Sant´Anna disse...

Bom dia debatedores, prezado amigo internauta Gilberto, creio que o tema sobre Plano de Regularização Ambiental, será de muita importância a partir de 2.017, pois acredito que logo que terminar o prazo para efetuarem o C.A.R., surgirá enormes necessidades dos produtores e proprietários rurais, em se adequar ao P.R.A., e isto oferecerá trabalho para muitos colegas profissionais.Mesmo que o governo por política como sempre nos atrapalhe, implantando um programa para leigos e ineptos executarem . Vamos divulgar e batalhar sobre nossa competência.

Às 15:30 em 19 junho 2016, Walter Martins Camara Júnior disse...

Olá Gilberto, realmente não existe nada mais democrático doque uma rede com o conceito WEB 2.0, temos como colaborar e interagirmos de forma significativa e de grande abrangência, sem limitar em nada os participantes.

E meu muito obrigado por você ter proporcionado tudo isso acontecer, agora é com todos nós levarmos de forma digna e coerente esse espaço.

Forte abraço

A FRENTE E AVANTE.

Às 18:30 em 17 maio 2016, Hemerson Fernandes Calgaro disse...
Olá Gilberto!! Vi uma notícia de um evento na UFRRJ onde o Gustavo Chianca da FAO estava presente. Gostaria do contato dele. Vc pode me ajudar?! Obrigado!
Às 12:41 em 14 maio 2016, Laís Viana disse...

Olá, Gilberto!

Muito obrigada pelas boas-vindas, pode deixar que irei convidá-los! Foi um prazer te conhecer no Simpósio AIL. 

Abraços!

Às 10:57 em 5 maio 2016, Sebastião Adilson Silva disse...

Pós-graduação | Capacitação GEORREFERENCIAMENTO DE IMÓVEIS RURAIS E URBANOS Este curso vai proporcionar a capacitação técnica necessária aos profissionais de nível Técnico ou Superior que pretendam trabalhar com Georreferenciamento e se credenciar no INCRA. Ao mesmo tempo os profissionais de nível Superior se tornarão Especialistas em Georreferenciamento de Imóveis Rurais e Urbanos... O melhor curso do Brasil! Início das aulas: junho de 2016 - 402 horas VITÓRIA - ES | RIO DE JANEIRO - RJ Veja todos os detalhes emhttp://www.vetreinamentos.com.br/pos/georreferenciamento-de-imoveis-rurais-e-urbanos Realização: Universidade Tuiuti do Paraná Coordenação Operacional e Logística: Eng. Agr. Sebastião Adilson da Silva Tel. (21) 3005 4052 | (27) 3391 2054 visaorh@verh.com.br

Às 10:08 em 2 maio 2016, Manoel José Sant´Anna disse...

Bom dia debatedores, propor e realizar debates sobre a profissão e seu exercício, é fator de aprimoramento do profissional, e os interesses sobre sua importância na sociedade.Afinal este é o papel de todo profissional seja ele de qualquer profissão que seja, antes de sermos um Engenheiro Agrônomo, somos cidadãos brasileiros, e aqui vivemos e criamos nossos filhos e netos, e não pretendemos nos mudar daqui.

Às 11:12 em 26 fevereiro 2016, claudio de jesus monteiro disse...

Bom dia...

é um grande prazer fazer parte deste grupo e provocar algumas discussões para o nosso crescimento profissional... trabalhei por muito tempo em análises de solo com finalidade agrícola, e tenho muitas dúvidas quanto a avaliação dos resultados... no momento estou me dedicando ao estudo do Prof Albrecht (defensor do cálcio)... espero trocarmos muitas experiência .. um abraço

Às 10:17 em 20 fevereiro 2016, Francisco Lira disse...

Muito bom ver os colegas do Rio Grande do Norte em plena atividade.

Às 7:49 em 20 fevereiro 2016, Francisco Joseraldo M. do Vale disse...

Gilberto bom dia!

Desejo incluir um link no nosso site e informar um link na rede para o nosso site: www.searn.org.br

fico no aguardo. 

saudações, 

joseraldo do vale

sea/rn

Às 11:34 em 19 fevereiro 2016, Claudio Toledo Netto disse...

Prezado Gilberto

Fomos colegas na Universidade de Viçosa e vejo esta bela ação sua da criação da Rede Agronomia. Tem especialização na área de Marketing e Digital, se ajudar em algo.

Claudio Toledo Netto

Às 18:46 em 29 dezembro 2015, LUIZ DE MORAIS RÊGO FILHO disse...

Gilberto,

Importante o registros das "lutas". O pior é que teremos mais. O Governador já acena com extinção da FIPERJ e um relatório preparado pela SEA/INEA, não propositivo, indicativo muito menos com ilações no sentindo de extinção da EMATER e PESAGRO, tendo como outras justificativas absurdas o relevo geral do estado, esquecendo-se que todas as atividades econômicas são em relevos locais. Por esse relatório, a Suíça não teria pecuária e não produziria um dos mais afamados queijos do mundo. O estado do Ceará não exportaria frutas e flores e não teria a maior produtividade de leite do mundo. Lastimável. Termos que lutar muito.

© 2017   Criado por Gilberto Fugimoto.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Offline

Vídeo ao vivo